was successfully added to your cart.

UNDP-CH-Comms-Panda-Solar-Stations-752x440

A China inaugurou nesta semana mais uma estação de produção de energia solar. No entanto, desta vez, as placas foram organizadas de uma forma diferente: do alto, formam um panda gigante. A usina foi construída em Datong, na província de Shanxi, no norte do país.

A construção da usina Datong Panda começou oficialmente em novembro de 2016, como resultado da parceria entre a Panda Green Energy e o Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (Pnud).

Panda

Projeto original.

A estação de energia solar em forma de panda foi construída em uma área equivalente a cerca de 150 campos de futebol. A empresa responsável pelo projeto informou que a capacidade total de geração de energia será de 100 MW (megawatt) quando todo o projeto estiver concluído. Atualmente, 50 megawatts já estão ligados à matriz energética do país.

“A central de energia Datong Panda é o ponto de partida do layout global da Panda Green Energy no projeto Panda Power Plant, que é de grande importância para a aplicação global de energia verde, a comunicação de conceito verde e a transformação de energia. Uma usina Panda de 100MW pode fornecer 3,2 bilhões de kWh de eletricidade verde em 25 anos, o equivalente a economizar 1,056 milhões de toneladas de carvão ou a reduzir 2,74 milhões de toneladas de emissões de dióxido de carbono”, diz a empresa.

Fonte: Extra

Deixe um comentário