was successfully added to your cart.

Trem indiano 1

A Índia segue o caminho da sustentabilidade, do crescimento, da economia, do cuidado com o planeta, da utilização de energia limpa e renovável. Um país emergente apostando na alta tecnologia para levar desenvolvimento e qualidade de vida para a população.

Anualmente a Índia transporta 7,6 bilhões de passageiros, em 12 mil trens. Isso está saindo caro, e uma das formas de economizar é diminuir o custo energético. Já otimizaram o ar-condicionado ao máximo, simplesmente não instalando essa bobagem, e agora estão investindo em outra área: iluminação.

Um projeto-piloto instalou painéis solares num vagão da linha Rewari-Sitapur. A um custo de US$ 6.084 o projeto se amortiza em 3 anos, economizando anualmente US$ 1.934 em energia.

Trem indiano 2

A Índia instalou painéis solares no teto de um trem numa tentativa de reduzir sua pegada de carbono excessiva e modernizar a linha histórica férrea.

A iluminação, a ventilação e os visores de informações, outrora operando à base de diesel, usam a energia do sol depois que os painéis foram instalados nos vagões.

O trem começou a operar perto da capital Nova Déli, deslocando parte dos cerca de 23 milhões de passageiros que usam a rede ferroviária da Índia diariamente.

“Nós vamos introduzir ao menos quatro outros trens com energia solar nos próximos seis meses”, disse à AFP o porta-voz da rede, Anil Kumar Saxena.

As baterias são carregadas pelos painéis durante o dia e também funcionam sem luz solar, completou Saxena. O diesel só será usado como último recurso, se as baterias pararem de funcionar.

Cada trem que usar a energia sustentável deve economizar em torno de 21 mil litros de diesel ao ano, o que pode ajudar a reduzir a enorme dependência da Índia de combustíveis fósseis e suas amplas emissões de carbono.

Construído pelos governantes coloniais britânicos, o sistema ferroviário da Índia é um dos maiores do mundo e até hoje o principal meio de locomoção à longa distância no vasto país.

Fonte: Uol

Deixe um comentário